Pesquisar no blogue

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Novidades... em breve!


O Donna Lisa blog terá, dentro em breve, novidades fresquinhas!

Mas até lá deixo o suspense... :)


quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Um domingo a fazer... marmelada!

Este título é bastante sugestivo, não é? :)
Bem, malandrices à parte, a tarde deste primeiro domingo de outono (bem chuvoso!) foi passada a tratar dos marmelos que começaram a cair da árvore de tão pesados que estavam.

Os melões não têm nada a ver, mas ainda os há cá por casa :)

Tal como nos anos anteriores, fiz um lote de marmelada caseirinha, mas desta vez, além da versão com açúcar, decidi fazer marmelada com frutose (apto para diabéticos). Aprovadíssimo!

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Produção da semana

A produção desta semana...


As ameixas são da ameixoeira mais tardia de todas, portanto são mesmo as últimas desde ano (infelizmente!). Os tomates têm sido tão abundantes que vou ter de arranjar uma forma extra de os conservar... Os figos começam a amadurecer mas nas figueiras ainda há dezenas (senão centenas) deles! E os marmelos são tã pesados que começam a cair da árvore (vem aí marmelada!).

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Um avental para... França!

Como já me tornei "expert" em aventais (relembrem o avental vintage para Inglaterra e o avental vintage para mim), desta vez fiz um avental para oferecer à minha querida amiga S. que está atualmente a viver em França.

Um dos tecidos foi-me oferecido precisamente pela S. (o dos cupcakes) que complementei com um tecido castanho às pintas:


O modelo foi uma mistura entre a saia do avental para Inglaterra e o peito foi tirado de outro molde. O resultado foi este:



 


Os moldes e tutoriais estão aqui:
Ambos os sites têm imensas ideias e tutoriais para costura, seja de roupa, artigos para casa, acessórios, etc. É só pesquisar :)

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Gulodices de banana e chocolate

Receita suuuuuper simples para quando nos apetece algo doce.
Atenção, ao contrário do que é habitual nas receitas que publico aqui, esta não tem nadaaaa de light! É mesmo para a desgraça :)

É ótimo para fazer quando temos bananas maduras que já não nos apetece comer...


Descascam-se as bananas e cortam-se em rodelas grossas (+ ou - 2 ou 3 cm de espessura).
Leva-se ao congelador, dispostas num prato, por 15 ou 20 minutos.


Entretanto, derrete-se uma barra de chocolate preto no microondas.
Depois das rodelas de banana estarem bem frias, embebe-se cada uma no chocolate derretido, como se fosse fondue de fruta.
Coloca-se num prato (revestido com papel vegetal) e leva-se novamente ao congelador para solidificar.

A parte de envolver as rodelas em chocolate não correu muito bem, porque o chocolate começou a solidificar rapidamente. Digamos que ficaram com um ar... artesanal! :)

E já está, estas gulodices estão prontas para nos deliciarmos!!
E é tãooooo bom! :)

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Uma coruja... porta-chaves!

Para devolver as chaves emprestadas da casa de uma amiga, nada como oferecer uma pequena surpresa de agradecimento juntamente com as chaves. E, que melhor do que um... porta-chaves?! :)

Começa-se por escolher os tecidos a usar. Neste caso, escolhi tons de azul, para combinar com um lenço que lhe tinha oferecido no Natal.


Corta-se as peças necessárias nos tecidos e começa-se a coser ou colar conforme os gostos.




O resultado final foi este:


Não ficou fofinho?! :)

E a surpresa resultou! :)
Não dá para ver nas fotos, mas a argola do porta-chaves move-se para cima ou para baixo, para as chaves poderem ficar escondidas dentro da coruja, quando se puxa as folhas do topo da cabeça.

O tutorial para fazer este original porta-chaves está aqui.

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Empada de curgete e cogumelos


  • 1 curgete média cortada em cubinhos
  • 300g de cogumelos frescos, cortados em pedaços, ou duas latas de cogumelos laminados, escorridos
  • 2 colheres de sopa de maizena diluídas em 6 colheres de leite
  • 4 dentes de alho picado
  • 2 embalagens de massa folhada
  • azeite
  • sal e pimenta
  • ervas aromáticas a gosto
  • 1 ovo batido para pincelar
  • queijo parmesão (opcional)
Pré-aquecer o forno a 220ºC.

Num tacho, colocar água a ferver com uma pitada de sal e cozer a curgete por 5 minutos. Escorrer e reservar.

Numa frigideira, aquecer um pouco de azeite e saltear o alho. Quando estiver a ficar dourado, juntar os cogumelos e saltear. Juntar a maizena diluída e os temperos (sal, pimenta, ervas aromáticas), misturar bem até estar bem incorporado. Adicionar a curgete cozida. Aqui juntar o queijo parmesão, se quiserem (eu usei uma mistura de levedura de cerveja com farinha de amêndoa, pão ralado e uma pitada de alho em pó). Envolver bem até começar a ficar tudo "pegajoso". Se necessário, juntar mais um fio de azeite para não secar demasiado.

Untar o fundo e lados de uma tarteira com um pouco de azeite. Revestir a tarteira com uma das embalagens de massa folhada. Colocar a mistura de curgete e cogumelos por cima da massa e espalhar. Com um pincel, humedecer a massa dos lados da tarteira (vai servir de "cola" ao juntar a parte de cima). Colocar a outra embalagem de massa folhada por cima da mistura e pressionar as beiras com os dedos, de forma a unir a parte de baixo da massa folhada com a "tampa" da empada, selando o seu recheio.

Com o ovo batido, pinceler o topo da empada. Com uma faca, abrir um pequeno "X" no meio da empada, para saír o vapor e o recheio não transbordar pelos lados.

Levar ao forno até ficar dourada. Deixar arrefecer um pouco e está pronta a servir!


Sugestão: também se podem fazer empadas individuais em vez desta mega-empada, usando pequenas formas. Ficam ótimas de qualquer forma! :)


Receita adaptada da revista Cozinha Saudável & Vegetariana (nº 99).

sábado, 1 de setembro de 2012

Quando for grande quero... vestir-me como a Laeriss!

Além de querer ter uma cozinha igual à de Miss Dahl (cliquem aqui para relembrar esse post), também quero vestir-me como a srª Laeriss!

E quem é esta senhora e o que é que ela veste? Boa pergunta!

Ora bem, começando pelo início, tenho de explicar que sou fã do estilo de decoração shabby-chic e french cottage, ou seja, em que se preenche uma casa com móveis e objetos arrecadados em feiras e mercados de artigos em 2ª mão, dando-lhes um toque rústico, mas o mais simples possível. Tudo isto acompanhado de pormenores vintage, de cores suaves (muito branco! como é o caso da cozinha de Miss Dahl) e muita madeira. No fundo, os móveis e objetos de uma casa são todos diferentes, mas em sintonia, e todos eles com muita história para contar.

Então, a minha constante procura de ideias e informação sobre esse estilo de decoração levou-me a este blog: Un coeur en Provence, que reúne a decoração, natureza e alguma culinária desta zona fantástica de França - Provença (para onde sonho viajar!).
Esse blog é de uma senhora chamada Laeriss, e como o nome do blog indica, vive na Provença (sortuda, grrr!) e gosta de nos espetar com fotos paradisíacas das cenas bucólicas do seu dia-a-dia. 

Se virem as imagens em que ela aparece, são capazes de repararem (as meninas se calhar reparam mais do que os meninos) nos trapitos que a Laeriss usa nas fotos. Para verem apenas as roupitas, cliquem na categoria Se Vêtir, se não podem ir desfrutando do todo o blog.

Imagens retiradas de Un Coeur en Provence.

Quando eu vi as roupas, fiquei intrigada e toca a pesquisar. Descobri então que ela é patrocinada por várias marcas de roupa deste estilo e foi aí que descobri também que estes trapos (é mesmo isso que parecem) não são para o meu bolso! A maioria das roupas que ela usa nestas fotos custa mais de 100€ por peça, o que é um pouquito puxado para uma comum mortal como eu. Que pena!...

Mas até percebo, vamos ver: além dos tecidos serem todos naturais e orgânicos (linhos, algodões, lãs e rendas), os modelos usam bastante tecido e são completamente fora do vulgar, exigindo muita trabalho à mão e muito tempo investido neles (penso eu!).




Aqui ficam os links das principais marcas deste estilo boémio-campestre-natural:





Bom, mas nada me impede de sonhar que um dia, quando for grande, vou vestir-me como a Laeriss, e viver numa cottage francesa, e passear pelos campos de Provença, e...
É tão bom sonhar! :)